História de Ana – A Mãe do Profeta Samuel

Ana foi uma mulher importante na Bíblia, mencionada no livro de 1 Samuel, no Antigo Testamento. 

Ela era esposa de Elcana, um homem da tribo de Efraim, e viveu durante um período conturbado da história de Israel, conhecido como o período dos juízes. 

Ana é conhecida principalmente por sua fervorosa oração e por ser mãe de um dos grandes profetas de Israel, Samuel.

História de Ana

A História de Ana Segundo a Bíblia

Ana enfrentou um período de grande aflição em sua vida devido à sua infertilidade. Ela ansiava profundamente por ter um filho, um desejo que não era apenas pessoal, mas também culturalmente significativo na época. 

A maternidade era altamente valorizada e ser incapaz de conceber um filho era considerado um fardo emocional e socialmente desafiador.

>> História de Débora: A Primeira Juíza de Israel

A cada ano, Ana via seu marido Elcana ter filhos com sua outra esposa, Penina, o que apenas agravava sua dor e sensação de inadequação. 

Ela se sentia incompleta e rejeitada, uma vez que o dom da maternidade parecia escapar de suas mãos. Essa provação a levou a um profundo sofrimento, regado por lágrimas constantes e um sentimento de desamparo.

No entanto, Ana não permitiu que sua infertilidade a derrotasse. Em vez disso, ela buscou refúgio em orações fervorosas e sinceras a Deus. 

No templo de Siló, ela derramava seu coração diante do Senhor, desejando ardentemente ter um filho. Em meio às suas lágrimas e angústias, Ana depositava sua fé e esperança no poder de Deus ( 1 Samuel 1:1-7 ).

A Oração de Ana

A oração de Ana é registrada no primeiro livro de Samuel. Nessa passagem, Ana está no templo de Siló, profundamente angustiada por sua infertilidade. 

Ela clama a Deus com fervor e sinceridade, compartilhando sua aflição e fazendo um voto diante do Senhor.

E fez um voto, dizendo: “Ó Senhor dos Exércitos, se tu deres atenção à humilhação de tua serva, te lembrares de mim e não te esqueceres de tua serva, mas lhe deres um filho, então eu o dedicarei ao Senhor por todos os dias de sua vida, e o seu cabelo e a sua barba nunca serão cortados” — 1 Samuel 1:11

O Profeta Eli, que estava presente enquanto ela fazia essa oração, achou que ela estava embriagada pois não saía voz enquanto ela orava, só mexia os lábios ( 1 Samuel 1:13-14 ).

Depois de uma conversa com o Profeta, Ana expressa o motivo de sua oração e o Profeta Eli a abençoa.

Eli respondeu: “Vá em paz, e que o Deus de Israel conceda a você o que pediu” — 1 Samuel 1:17.

O Cumprimento da Promessa 

O cumprimento da promessa na vida de Ana foi uma manifestação extraordinária do poder de Deus. 

Após algum tempo depois da oração de Ana, o Senhor finalmente ouviu o clamor do seu coração e lhe concedeu o desejo de ter um filho.

Deus se lembrou de Ana e abriu seu ventre estéril, permitindo que ela concebesse. Ana deu à luz um filho, a quem chamou de Samuel. 

Esse momento foi um testemunho da bondade divina e uma resposta concreta às suas orações sinceras.

Ana cumpriu seu voto de dedicar Samuel a Deus desde a sua concepção. Após o desmame, ela o levou ao templo de Siló, onde o entregou ao sacerdote Eli para que fosse criado no serviço do Senhor. 

>> Melhores Bíblias de estudo feminina

Ana manteve seu compromisso e confiou que Deus cumpriria Sua vontade na vida de seu amado filho.

O cumprimento da promessa de Deus na vida de Ana não apenas trouxe alegria e gratidão a ela, mas também teve um impacto significativo na história de Israel. 

Samuel se tornou um grande profeta e líder do povo, desempenhando um papel crucial na transição de Israel para a monarquia.

A história de Ana nos ensina que Deus é fiel às Suas promessas, mesmo quando parece que a espera é longa e a situação é impossível. 

Ela é um lembrete de que, em meio às nossas aflições, devemos confiar na soberania de Deus e continuar buscando-O em oração.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 9 =