HISTÓRIA DE SANSÃO: Um dos Juízes de Israel

A História de Sansão é contada no livro de juízes, e fala que o povo de Israel estava passando por um momento delicado, marcado pela opressão dos filisteus devido ao afastamento do caminho do Senhor pelo povo israelita. 

No livro de Juízes, capítulo 13, é mencionado que o Senhor entregou seu povo nas mãos dos filisteus, resultando em 40 anos de opressão e humilhação. 

Foi nesse contexto que Deus enviou Sansão como o salvador do povo, para libertá-los do domínio filisteu.

A HISTÓRIA DE SANSÃO

Nascimento de Sansão

O nascimento de Sansão já é marcado por um milagre. Sua mãe, que era estéril, recebeu a visita de um anjo do Senhor que anunciou que ela teria um filho especial, um nazireu de Deus. 

Isso significa que Sansão estava predestinado a cumprir a vontade divina, abstendo-se de beber vinho e de cortar os cabelos. ( JUÍZES 13:14 )

Sansão cresceu em Zorá, na tribo de Dã, e desde cedo sua força física e vigor impressionavam a todos ao seu redor. 

>> História de abraão: A História de um Homem de Fé e Obediência

Sua vocação para cumprir uma missão grandiosa em Israel era evidente desde sua infância.

A Mulher de Timná

Quando Sansão era jovem, fez uma viagem a Timná, onde conheceu uma filistéia por quem se apaixonou profundamente. 

Apesar dos desafios e da desaprovação de seus pais, Sansão decidiu se casar com ela. 

No entanto, esse casamento estava destinado a enfrentar grandes obstáculos.

Sansão Mata um Leão no Caminho de Timná

No dia em que Sansão pediu a filistéia em casamento, ele enfrentou uma batalha contra um leão que poderia tê-lo levado à morte. 

Mas Deus estava com ele, e Sansão matou o leão como se fosse um cordeiro, demonstrando o poder concedido por Deus. 

Embora tenha sido um evento significativo, Sansão optou por não compartilhar essa história com ninguém. ( JUÍZES 14:6 )

Sansão se Casa

Sansão se casou com a filistéia, porém, os filisteus rapidamente abalaram sua felicidade com um plano traiçoeiro que arquitetaram.

Durante seu casamento, ele propôs um enigma aos convidados da festa, prometendo 30 vestidos finos como recompensa para quem solucionasse o enigma.

Os convidados exigiram que a esposa de Sansão descobrisse a resposta, e ela acabou revelando o segredo por manipulação. (JUÍZES 14:15 )

Isso levou Sansão a cumprir uma terrível vingança contra os filisteus, matando 30 homens no campo de Ascalom para obter os vestidos prometidos aos convidados.

A Destruição da Plantação dos Filisteus

Após esse episódio, Sansão passou um tempo com seus pais, enquanto sua esposa foi dada a outro homem pelo pai dela. 

Furioso com essa situação, Sansão decidiu se vingar dos filisteus. Ele capturou trezentas raposas, amarrou seus rabos, colocou uma tocha na cauda de cada par de raposas e as soltou nas plantações dos filisteus, causando uma grande destruição. (JUÍZES 15:1-5 )

A Morte da Mulher e de sua Família por Vingança a Sansão

As ações de Sansão tiveram consequências devastadoras para a família de sua esposa. 

Os filisteus descobriram que Sansão era o responsável pela destruição e queimaram a esposa e o pai dela. 

Isso causou ainda mais raiva em Sansão, levando-o a matar os responsáveis por essa crueldade e muitos outros homens. 

>> História de Moisés: O Homem Escolhido Por Deus

Em seguida, ele se refugiou na caverna de Etã, onde lamentou a perda. ( JUÍZES 15:6 )

A Batalha de Sansão contra 1000 Homens

Durante seu período de luto, os filisteus declararam guerra ao povo de Israel. Os compatriotas de Sansão fizeram um acordo com os filisteus para entregá-lo. 

Entretanto, quando Sansão se aproximou do exército filisteu, o Espírito do Senhor apoderou-se dele, e ele derrotou os inimigos com uma queixada de jumento, matando 1000 homens. 

Esse foi o pior massacre realizado por Sansão até aquele momento, e o local onde ele matou esses homens ficou conhecido como “ RAMATE LEÍ “. ( JUÍZES 15:17 )

Sansão Tira o Portão da Cidade de Gaza com Tranca e Tudo

Além dessa batalha épica, Sansão realizou outro feito extraordinário ao arrancar o portão da cidade de Gaza com trinco e tudo. 

Essa demonstração de força impressionante mostrou mais uma vez o poder sobrenatural de Deus na vida de  Sansão. (JUÍZES 16:1-3 )

Sansão Conhece Dalila

Apesar de sua força inigualável, Sansão tinha uma fraqueza: seu coração. 

Ele se apaixonou perdidamente por Dalila, uma bela mulher filisteia. Mas Dalila conspirou com os filisteus para descobrir a fonte da força de Sansão, manipulando-o para revelar seu segredo: seus cabelos.

Morte de Sansão

Traído por Dalila, Sansão teve seus cabelos cortados enquanto dormia, perdendo assim sua força divina. 

Ele foi capturado pelos filisteus, seus olhos foram arrancados e ele foi escravizado. No entanto, em um último ato de coragem e redenção, Sansão orou a Deus, implorando forças para derrotar seus inimigos. 

Ele usou sua força renovada para derrubar as colunas do templo filisteu, sacrificando sua própria vida e matando todos os presentes. 

>> Melhores Bíblias de estudo feminina

Mais de 3000 pessoas perderam a vida nesse episódio final da vida de Sansão, incluindo os principais líderes dos filisteus.

Conclusão

A história de Sansão é repleta de momentos emocionantes, demonstrando sua força sobrenatural e seu papel como juiz de Israel. 

A história de Sansão é real e ocorreu durante o período dos juízes em Israel. 

Ele se destacou como um líder carismático, embora sua fraqueza emocional tenha sido explorada por seus inimigos. 

Sua morte heroica, apesar de sua queda, é um testemunho de sua fé e coragem diante de adversidades.


➣ Curso de Teologia Online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 17 =